ago 21 2018

Dar Presentes

dar-presentes

– Cara! Acabei de conhecer uma garota e estou muito apaixonado e ela também. Estou pensando em dar-lhe um presente!

– Não faça essa besteira.

– Dei o presente e ela sumiu. O que eu fiz de errado?

Se você já passou por essa situação e ficou sem entender nada, este tópico é para você.

Dar Presentes

Sempre que ouço alguém dizendo que conheceu uma menina legal, “diferente”, que está apaixonado, que está sendo retribuído na mesma proporção e que quer dar algo de presente à ela, eu intervenho: “Não faça isso!”

Quando explico os motivos, recebo um sorrisinho de canto de desdém e um olhar de quem pensa “Ela não é daquele tipo de pessoa que você escreve no seu blog. Essa é ESPECIAL”.

Respondo “tudo bem” e fico aguardando quantos dias o rapaz vai levar para me procurar pedindo orientações porque a garota sumiu sem dar explicações após receber o agrado. E eles voltam mesmo! E muito rapidamente!

O que aconteceu? Será que ela só quis fazê-lo de bobo? “Mas ela parecia tão apaixonada…”

Vamos buscar algumas explicações.

Por que o homem sente vontade de presentear a mulher que ama?

Um homem, quando apaixonado, fica deslumbrado, maravilhado, encantado mesmo por acreditar que encontrou a mulher dos seus sonhos, das suas orações, que parece preencher todos os requisitos que ele pensava serem os de uma companheira ideal.

Ele está feliz, alegre e saltitante, e quer falar sobre ela com todo mundo para mostrar o quanto se sente bem por estar amando!

E, claro, inconscientemente, ele quer mostrar que é um macho capaz de prover todas as necessidades dela, sejam materiais, psicológicas ou de segurança.

E lá vai o nosso mancebo todo faceiro comprar um presente super bacana que ela comentou que tinha por sonho possuir. Ou quem sabe flores e bombons que toda mulher adora receber. Nem que seja caro e ele precise parcelar em várias vezes, tudo vale a pena para ver sua princesinha feliz!

Comprado o mimo, ele faz questão de surpreendê-la para causar um impacto positivo e tornar-se marcante na vida dela. “Cara, ela vai me amar porque sempre quis ter isso e eu sou o cara que vou dar para ela! Depois, é bem provável que ela fale até em casamento! Não vejo a hora de ver aqueles olhinhos marejados brilhando de felicidade!”

Porém, passados alguns dias da entrega, a garota some sem dar notícias. Não atende celular, não responde no WhatsApp e ignora até mesmo nas redes sociais. E o pobre coitado nem começou a pagar ainda o presente!

Por que isso ocorre?

O que se passa na cabeça feminina

Ao contrário dos homens, as mulheres não têm pensamentos lineares, lógicos e, portanto, toda a explicação que você procura talvez não faça sentido simplesmente porque ele não existe.

As mulheres baseiam-se no que sentem, e a partir daí tomam suas decisões que, obviamente, parecerão coisas de louco para nós homens.

Mas, apesar dessa aparente insanidade, compreendendo-se como as mulheres “funcionam”, fica fácil adivinhar o que farão, e é exatamente por isso que sempre afirmo para os rapazes “Não dê presentes, flores, bombons, etc, até que você tenha uma relação estabelecida, oficializada, e o faça em ocasiões especiais”.

Já dissemos em outros artigos que as mulheres são programadas para selecionar o melhor macho do bando, e que elas encontram essas características dominantes geralmente nos cafajestes, pois estes mostram-se superiores por não se sujeitarem a elas, o que as deixa enlouquecidas, a ponto de insistirem em seduzi-los para os “corrigir” e assim mostrarem a todas as demais que são as fêmeas-alfas.

Porém, você, ao contrário de um macho dominante, mostrou-se embasbacado pelo amor romântico e, na primeira oportunidade, apressou-se a fazer-lhe um agrado, e certamente se sujeitará a qualquer capricho que ela mencione. Você encarnou o papel do macho PROVEDOR e não do REPRODUTOR, compreende?

Não se batalha pelo o que já se possui

Você já está no papo, foi presa fácil, nem teve graça porque ela não precisou fritar os miolos para arrumar um meio de te conquistar. Ela não precisou mostrar todo o poderio sexual que possui. Ela não precisou fazer loucuras para ganhar a sua atenção. Ela sequer teve que te disputar com outras mulheres!

Você passou a ser desinteressante para ela, mas não ficará descartado de todo. Você será remanejado para o harém masculino que ela possui de homens apaixonados e sedentos de uma migalha de atenção e afeto que ela possa deixar cair no chão.

Você ainda terá alguma serventia, que é a de fazer favores e continuar comprando presentes e despejando elogios para elevar o ego dela.

Com promessas vagas e frases indiretas, você ficará mantido no cativeiro indefinidamente, a não ser que lhe ocorra uma centelha de lucidez e você resolva honrar a si mesmo e encerrar essa situação, que é claro, envolve uma escolha, e que essa escolha não é ela.

Quantos sucumbem exatamente neste ponto!

Queda de braço

Na grande maioria dos casos que vejo, o casal talvez tenha ficado algumas vezes ou mesmo nem isso. A menina apenas falou o que o rapaz queria ouvir e este já correu para comprar as alianças!

Ela não precisou fazer simplesmente nada! Nenhum esforço, nenhum merecimento. Muitas vezes sequer rolou um beijo, quiçá uma transa! Bastou ela estar ali e jogar o lencinho ao chão para ele se atirar aos seus pés!

E se ela aceitar um namorico de algumas semanas, o cara se esforçará por tentar mostrar serviço, redobrando os favores e presentes, enquanto ela ficará passiva à espera, sem precisar se dar ao trabalho de investir na relação.

Mystery escreveu que, quanto mais uma mulher investe num relacionamento, mais ela vai querer colher os frutos e tenderá a permanecer ao lado do homem pelo qual tem investido tanto tempo e esforço.

Releia este sub-item de novo e veja quem é que está mandando em quem, quem está dominando a relação, ditando as regras de como devem ser as coisas. Enquanto o caboclo serve, a princesa permanece imóvel esperando ser servida, e a troco de migalhas!

Qual é o sexo frágil mesmo?

Seja você o prêmio

Note nos nossos exemplos a posição superior que o homem colocou a mulher. Ela é o prêmio, o troféu, a senhora da relação, quem dita as regras, que faz e acontece.

Muitos homens, por estarem apaixonados e por medo de perderem uma mulher “especial e diferente”, sujeitam-se ao papel da passividade e servidão, lutando para manterem a sanidade mental devido ao conflito que sua masculinidade cobra de sua postura.

Eles não acreditam serem merecedores de algo melhor. Talvez nem acreditem serem capazes de conquistar outras mulheres. Eles pensam que “tiveram a sorte” de encontrar uma mulher e não que ela teve a sorte de encontrar um homem como ele.

Finalizando

A paixão e o apego deixam os homens cegos e burros, verdadeiras marionetes nas mãos de mulheres desonestas. Não todas, claro, mas as dos nossos exemplos. Mas até o cara descobrir quem é quem, pode ser tarde demais.

Dar presentes sem ter uma relação realmente estabelecida, ou ainda, em excesso, é um verdadeiro tiro no pé, uma sabotagem contra si mesmo.

E, se você duvida e quer insistir, menosprezando os nossos conselhos, vá em frente. De nossa parte, estaremos aqui observando você voltar procurando respostas porque tudo o que você planejou (contrariando o que dissemos) deu errado.

Mas, fique tranquilo, te receberemos de braços abertos, afinal, o blog existe exatamente para socorrer e orientar homens em aflição emocional.

Um forte abraço! Nos vemos em breve!






Gostaria de acrescentar algo? Comente abaixo: