Dominar o Território – Reflexões Masculinas

jan 14 2018

Dominar o Território

Dominando o territórioDominar o território é importante se você quer ser visto como a um macho-alfa pelas mulheres, mas isso não significa que você tenha de ser um imbecil que as pessoas devem temer.

A seguir, daremos algumas dicas simples de como se portar para que seja o macho dominante do lugar.

Por que dominar o território?

Se nos tempos dos nossos ancestrais a dominação se dava pelo uso da força física, hoje em dia as coisas evoluíram um pouco e, além do status, a maneira de se apresentar e se portar perante dos demais machos pode fazer toda a diferença.

Ser o macho-alfa de um grupo pode trazer grandes vantagens, mas também pode trazer grandes desvantagens, e é exatamente essa “pressão social” que faz dos líderes homens admirados pelos outros e, em especial, pelas mulheres. Isso pode render bons frutos na parte afetiva e sexual.

Sabendo disso tudo, daremos algumas dicas e truques que podem te ajudar a dominar o seu território.

Primeira Dica – A Fala

Machos-alfa não têm medo de se expressar, e também quando o fazem, estão completamente tranquilos e relaxados consigo mesmos e com os que os cercam.

Ao falar em seu território, tenha clareza e fale lentamente, mantendo sempre um contato visual forte com todos. Transmita segurança falando em tom audível e, se sua voz permitir, em tom grave.

Machos inferiores geralmente agem como se não quisessem ser ouvidos, com tom de voz baixo e tímido, e com pouco ou quase nenhum contato visual com as pessoas.

Um tom de voz grave e seguro, lento e baixo transmitem a sensação de força e segurança interna ao seu interlocutor, consequentemente te investindo de poder.

Se seu timbre não for forte e poderoso e sua voz parece com a de uma gralha, você poderá recorrer a uma fonoaudióloga para tentar melhorá-la.

“Fale devagar, fale baixo e não fale demais.” – John Wayne

Segunda Dica – A Postura

De pouco adianta você ter uma voz de trovão se sua postura é acovardada. Isso chama-se linguagem corporal, body language, ou simplesmente BL, sigla mais utilizada quando se fala sobre postura.

Para ser ouvido, você precisa estar próximo de alguém, porém a imagem que você projeta através do seu corpo pode ser vista de muito longe. E isso é muito vantajoso quando bem trabalhado.

Homens tímidos tendem a se esconder atrás de armários, de pilares, plantas e até atrás de outras pessoas. Eles não suportam a ideia de imaginar que alguém os está observando.

Você, ao contrário, deve procurar sempre estar em foco, em algum lugar do ambiente estrategicamente calculado onde possa ser visto pela maioria das pessoas, para que elas possam observar o quanto você é poderoso mesmo quando está “distraído” e longe dos demais.

Mantenha sempre a coluna ereta (mas não como a um robô), os ombros abertos e para trás, evidenciando seu tórax. A cabeça deve estar erguida e seus olhos vivos e atentos. Não tente mostrar que está querendo impressionar, mas procure fazer com que essa postura aconteça naturalmente, e não forçada, calculada.

Sua caminhada deve ser lenta e firme, com passos relaxados, mas poderosos e cheios de confiança. Projete uma imagem de poder e liberdade. Ande pelo ambiente já sentindo que ele é seu.

Nas conversas, quando alguém estiver com assuntos enfadonhos, interrompa discretamente e coloque temas mais interessantes ou descontraídos, e procure resistir às interrupções que tentarem fazer a você. É importante também tomar a iniciativa do contato físico através de toques.

Por fim, ainda que seu corpo seja como o de um grilo com anemia, mantendo uma postura firme e altiva, poderá dizer muito sobre a sua personalidade, mesmo sem precisar abrir a boca.

Terceira Dica – Suas Roupas

Você já trabalhou sua voz e arrumou sua postura. Agora chegou a vez de acertar suas roupas para que tudo esteja congruente.

As roupas também têm a capacidade de passar a sensação de poder às pessoas. Trajes que alargam os ombros, como ternos e blazers são ótimos instrumentos para isso.

Roupas escuras e de cortes retos, especialmente de cor preta, transmitem a sensação de seriedade e tendem a intimidar, o que aumenta o seu valor no ambiente. Mas, claro que o bom senso deve estar presente, pois você não vai usar terno em locais menos formais e também deve evitar cores escuras quando o sol e o calor estão insuportáveis. Bem-estar em primeiro lugar.

Para o caso de ambientes informais, roupas bélicas (coturno e jaquetas militares) podem fazer a vez do blazer.

Fones de ouvido, segundo o livro “O Manual do Satanista”, de Lex Satanicus, base deste artigo, equivalem aos cabrestos dos cavalos, e devem ser evitados por tirarem poder de você.

Óculos escuros, ainda que estilosos, também baixam seu valor social, pois escondem uma das mais poderosas armas de dominação: os olhos.

Quarta Dica – Seu Olhar

Seus olhos provavelmente sejam a arma mais eficaz que você possui. Não os olhos propriamente ditos, mas o seu modo de olhar para os outros.

Quando você fixa o olhar nos olhos de alguém, isso gera uma tensão que faz com que o organismo dela passe a produzir feniletilamina, que entre indivíduos do mesmo sexo gera uma espécie de intimidação social, enquanto que em pessoas de sexos diferentes gera paixão e fascinação sexual.

O contato visual fixo, mas não muito constante para não parecer um psicótico, é extremamente importante e poderoso, e deve vir sempre acompanhado com um leve sorriso ou um breve balançar de cabeça.

E, se você precisa melhorar nesse quesito, nada melhor do que treinar fixando o olhar em algum objeto, não permitindo que os olhos pisquem por algum tempo (poucos segundos) ou distraiam-se procurando por outra coisa.

Uma boa maneira para isso é manter o olhar num objeto enquanto evita que seus olhos virem-se curiosos para ver o que está passando na televisão.

Concluindo

É claro que não basta apenas seguir essas quatro dicar para sair dominando todos os lugares. Existem várias outras formas e coisas a se fazer. Mas este já é um excelente começo.

Você já deve ter lido em outros artigos que grande parte das informações e sensações passadas são feitas pela comunicação de baixo nível, ou sub-comunicação, que é aquela feita de forma não-verbal.

Também deve ter notado que em nenhum momento falamos de intimidação física, verbal, emocional ou qualquer outra forma de coerção. Entenda que você pode até ser temido se agir assim, mas com certeza não será respeitado, principalmente na mente das pessoas, lugar que você certamente não conseguirá dominar sendo truculento. De que adiantaria tudo isso se não é prazeroso e confortável estar em sua companhia?

Agindo dessa forma, as pessoas, se puderem, escolherão seguir a outro macho-alfa, deixando você de lado. E aí não haverá ninguém a liderar em seus domínios. De que valeria dominá-lo então?

E, por fim, a verdadeira força, na atualidade, está na liderança aliada ao carisma. É muito difícil resistir a uma pessoa carismática. Ela simplesmente age como a um ímã de pessoas que desejam ser lideradas por ela!

O carisma, acrescentado às quatro dicas acima, te tornará um líder irresistível dentro dos seus domínios!






1 comentário

  1. Dicas excelentes! Aprendi isso na prática. No antigo emprego em que trabalhava, me vestia de maneira desleixada e não cuidava muito da aparência. Após mudar para um escritório maior, forçosamente me adaptei a usar roupas mais sociais e ter um cuido melhor com aparência, cabelos e barba. As pessoas do meu círculo social passaram a me enxergar totalmente diferente. Quando vou a lugares e restaurantes por exemplo a minha presença além de ser mais notada é mais respeitada.

    Acho que o principal está na forma de se vestir, um cabelo bem modelado e uma barba bem feita. E acima de tudo confiança em você.

Gostaria de acrescentar algo? Comente abaixo: